Mercado negro de atum prospera

Por O ECO

Atum é capturado por pesqueiro japonês (foto Bruno Torrentino)

O Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICIJ), depois de 8 meses analisando o comércio de atum azul, descobriu uma série de irregularidades e crimes ambientais. Os resultados revelam um mercado negro que move aproximadamente 4 bilhões de dólares.

O estudo descobriu a existência muitos casos de violação de cota pesqueira, omissão de dados sobre técnicas de pesca, exploração de peixes de tamanho reduzido e omissão de dados pelos próprios governos envolvidos.

O ICIJ analisou a pesca do atum de barbatana azul da região leste do Atlântico, uma espécie que está classificada como ameaçada e é um produto de alto preço no mercado. Foi descoberto que autoridades francesas do setor pesqueiro encobrem atividades ilegais há anos, omitindo informações da Comissão Internacional para a Conservação do Atum Atlântico (ICCAT), o órgão responsável pela administração de regras para a pesca dessa espécie.

Ficou evidente que o ICCAT não consegue controlar e regulamentar a exploração pesqueira no Mediterrâneo, assim como restringir as ilegalidades que ocorrem há muito tempo. O ICIJ demonstra que existem grandes falhas no Esquema de Documentação da Pesca do Atum de Barbatana Azul (BCD), um relatório vazio e desprovido de dados concretos, o que dificulta ainda mais a fiscalização.

Essas informações alertam a comunidade internacional para a tomada de decisões na próxima reunião do ICCAT em Paris, o que pode acarretar na suspensão das indústrias pesqueiras ilegais. A WWF está pressionando o ICCAT para que essa reunião seja utilizada para criar um plano de recuperação da espécie de atum, regulamentando a pesca em quantidade e qualidade, reforçando a legislação e retomando a aplicação de punições legais para atividades irregulares e para o estabelecimento de santuários e centros de criação e conservação da espécie.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s